7 de ago de 2006

O VERDE TUIM

.
.
.
Um verde Tuim
contente vivia
em uma gaiola
que do alto pendia
.
Um Gato querendo
por força o pegar
um dia o convida
para irem brincar
.
Mil graças compadre
lhe diz o Tuim
já sei o que queres
conheço o teu fim
.
Por isso daqui
não hei de descer
caminhas que ainda
não me hás de comer .
.
E o gato se foi
pra longe a miar
e o verde Tuim
se pois a cantar .
.
(Desconheço o nome do autor)
.

2 comentários:

Omni disse...

Hello from the USA!! :-)

Luluzinha disse...

Olá Leonor!
Eu sou Lúcia e encontrei seu blg através dos blogues_educativos do qual também faço parte.
Gostei da sua idéia de postar poesias antigas!

Aliás, venho pensando em postar algumas dessas poesias antigas, tão belas, que hoje estão desconhecidas pelas crianças e esquecidas pelos adultos.

Lendo seu blogue fiquei feliz por saber que ainda há pessoas que se interessam por este tipo de texto.

Quem sabe não troquemos poesias?

Um abraço e parabéns!
luciams@pbh.gov.br